Dicas de Obra

Benefícios de usar gerador elétrico na obra

Como utilizar gerador elétrico na obra

Será que é uma boa aquisição ter um gerador elétrico na obra? Sabemos que nos trabalhos de construção civil, é essencial ter energia elétrica a qualquer momento. Especialmente quando é necessário o uso de ferramentas e equipamentos que precisam desse tipo de fonte de energia.

Ao executar um projeto de engenharia civil em um local onde a eletricidade não chega, a conexão de uma usina pode custar muito dinheiro. Por isso, a solução é alugar ou comprar um gerador elétrico na obra. Assim, evita-se muitas despesas.  além de ter enorme versatilidade, já que ele pode ser levado a andares mais altos para usar o equipamento.

O setor de construção é um dos principais interessados ​​em geradores elétricos de maior potência. Isso porque esse setor necessita de energia elétrica estável e independente, para a operação de máquinas e para gerar luz elétrica.

Vamos conhecer mais sobre a necessidade de um gerador elétrico na obra no artigo da semana. Vem com a gente!

O que é um gerador elétrico? 

Os geradores elétricos são uma máquina capaz de fornecer eletricidade a outros equipamentos. Isso é conseguido através da conversão de energia mecânica em elétrica, dessa maneira o trabalho pode ser realizado no local necessário. 

Além disso, uma grande vantagem ao usar esses geradores de eletricidade é que eles nos permitem ter um suprimento elétrico para organizar todos os tipos de eventos.

Existem vários geradores elétricos para obras com diferentes soluções para atender aos requisitos necessários e assim garantir o fornecimento contínuo de energia e de acordo com os tipos de emergência ou necessidade.

Principais vantagens do gerador elétrico na obra

A importância do gerador elétrico na obra se deve ao fato dele oferecer diversas vantagens para construção, dos quais podemos citar:

  • Máxima eficiência na fonte de alimentação;
  • Operação contínua e, em caso de falta de energia, são as salvaguarda necessária para que tudo continue com energia normal;
  • Eles podem fornecer energia, a longas distâncias, sem saltos de eficiência. Isso é essencial para: eventos culturais/esportivos, grandes canteiros de obras, centros de logística e suprimentos, serviços hospitalares, entre outros.

Os geradores elétricos, sem dúvida, são grandes aliados do setor industrial. Isso porque o fornecimento de energia é um fator essencial, e isso é vital para qualquer construção. 

O setor precisa de energia ininterrupta para acompanhar o trabalho em andamento e assim, garantir que tudo saia normalmente. Uma falha neste setor pode ser fatal e esses equipamentos são uma garantia importante.

Como utilizar gerador elétrico 

Geradores elétricos são definidos como dispositivos que convertem energia mecânica em energia elétrica. Assim, são capazes de manter uma diferença no potencial elétrico entre dois de seus pontos (chamados de pólos ou terminais).

Eles são compostos de dois elementos fundamentais: a parte móvel denominada rotor e a parte estática denominada estator. Quando uma das duas partes é ativada, ela gera um fluxo magnético (atua como um indutor), de modo que a outra parte o transforma em eletricidade (como uma armadura).

Podem ser distinguidos dois tipos de geradores elétricos, dependendo do tipo de corrente que geram: alternadores (corrente alternada) e dínamos (corrente contínua).

O uso correto de um gerador elétrico varia de acordo com o modelo que você irá comprar ou alugar. Por exemplo, esses dispositivos devem ser utilizados por um determinado período de tempo ou de acordo com suas características. 

Ou seja, se não for um gerador a diesel, é melhor não usá-lo por mais de 6 horas contínuas. Se você precisar usá-lo por mais tempo, deixe descansar em intervalos de 40 minutos.

Da mesma forma, é necessário agendar manutenção preventiva, como verificação de óleo, combustível, filtro de ar, mangueiras, alavancas, etc., para manter o gerador em boas condições.

Evite usá-lo se as condições climáticas forem ruins, como chuva ou condensação de umidade muito alta. Nesse caso, cubra-o, mas deixe-o refrigerar, e nunca o coloque sobre uma base molhada.

Dicas de segurança ao trabalhar com geradores elétricos

Há vários aspectos que devemos levar em consideração ao usar um gerador elétrico na obra:

  • Quantidade de combustível armazenado: Essa quantidade depende dos regulamentos locais ou do país, portanto, devemos consultar os regulamentos de armazenamento.
  • Fique longe do gerador se ficar tonto: O monóxido de carbono é um gás perigoso; portanto, se você se sentir tonto ou fraco por estar perto do gerador, fique longe dele.
  • Não toque no gerador com as mãos molhadas: Como em outros dispositivos elétricos, esse comportamento pode causar um choque.
  • Antes de adicionar combustível ao gerador, é recomendável aguardar 15 minutos para que esfrie. Caso contrário, você pode causar um incêndio desnecessário.
  • Não guarde o gerador por longos períodos de tempo e com líquidos inflamáveis dentro ​​(combustível/lubrificante).
  • Não deixe o combustível de reabastecimento perto do gerador.
  • Para sua segurança, tenha um extintor de incêndio à mão sempre por perto. 

Conclusão 

Como vimos acima, o uso de gerador elétrico na obra leva diversas vantagens em relação ao fornecimento de energia. Essas vantagens se ampliam ainda mais quando não há fornecimento convencional. Por isso, alugar esse equipamento pode ser uma excelente solução. 

Agora você pode fazer seu orçamento de aluguel de gerador elétrico com a gente! Não se esqueça de passar na Brasmetal e tenha acesso aos melhores preços e equipamentos do mercado! 

Gostou do nosso artigo? Acesse também nosso blog e veja mais conteúdo como esse! 

Visite nosso site e alugue já seus equipamentos, clicando aqui. Contamos com atendimento virtual personalizado! Conheça também nossas redes sociais 🙂

Related Posts