Aluguel de equipamentos, Dicas de Obra, Dicas dia a dia

4 benefícios da locação de equipamentos para construção

Na hora de executar uma obra, as empresas costumam optar pela locação de equipamentos para construção. Além de não terem que se preocupar com manutenção, o aluguel tem melhor custo-benefício. 

Muitos dos equipamentos utilizados em obras são grandes e pesados, como andaimes, elevadores, grua, balancim, escada extensiva, entre outros. Com isso, o aluguel é a opção mais viável.

Entenda como é o processo de locação de equipamentos para construção, quais produtos você pode alugar para sua obra e quais cuidados tomar. 

Como funciona a locação de equipamentos para construção?

O processo de locação de equipamentos para construção é simples e nada burocrático. Normalmente, os responsáveis pela obra sabem quais produtos precisam adquirir. Contudo, as lojas de aluguel ajudam o consumidor a escolher o que será preciso, de acordo com as necessidades. 

Na loja é feito um acordo sobre o tempo de locação, que pode ser semanal, quinzenal ou mensal. O responsável pela obra determina quanto tempo ele irá precisar dos materiais e negocia o valor da locação. 

As empresas de locação de equipamentos para construção também fazem a entrega dos materiais, assim como a retirada. Contudo, isso também fica a critério do consumidor, que se tiver o transporte adequado, pode fazer o deslocamento. 

Existem algumas construtoras que acabam se tornando parceiras das lojas de locação, devido a frequência com que precisam dos serviços. Dessa forma, fica mais fácil na hora de negociar os preços dos aluguéis dos equipamentos.

Quais os benefícios da locação de equipamentos para construção

Obras de médio e grande porte exigem o uso de muitos equipamentos. Alguns deles são grandes, pesados e têm um custo alto no mercado, o que inviabiliza a compra. 

A solução encontrada pelas construtoras é o aluguel desses materiais complexos. Confira as vantagens!

Flexibilidade no pagamento

O pagamento é feito quando você for usar aqueles equipamentos que precisa no momento. Então, dependendo do ritmo da obra, você pode ir ajustando o contrato do aluguel. Dessa forma, fica mais fácil preservar o fluxo de caixa.

Facilidade de transporte

As empresas de locação de equipamentos para construção costumam fazer o deslocamento do que você precisar para sua obra. 

Elas possuem os veículos necessários e preparam toda a logística de entrega e no momento de retirar os instrumentos no final do contrato. É uma dor de cabeça a menos!

Sem custo de manutenção

Os equipamentos que você aluga estão em perfeita condição e se tiver algum problema durante a execução da obra, basta entrar em contato com a loja de aluguel. Diferentemente de quando você compra um aparelho e este apresenta um problema, que leva a necessidade de manutenção.

Variedade de modelos

No momento do aluguel você escolhe os equipamentos que suprem as necessidades da obra. Existe uma variedade de modelos, marcas e preços diferentes. Com isso, você faz as comparações necessárias e decide quais são os melhores instrumentos, dentro do valor que pode investir. 

Quais equipamentos alugar e quais cuidados tomar

Os equipamentos utilizados variam de acordo com a complexidade da obra. A construção de um prédio, por exemplo, vai exigir instrumentos mais pesados e maiores. Alguns dos materiais usados são:

  • Andaimes: são fundamentais para realizar trabalhos nas partes mais altas como janelas, paredes e telhados. Devem ser usados com segurança para evitar acidentes. Alguns dos tipos de andaimes são fachadeiro, multidirecional e tubular. 
  • Betoneiras: são usadas para misturar argamassa e concreto, agilizando o trabalho de preparação das massas que serão aplicadas na obra. 
  • Bomba d’água: são usadas para fazer a movimentação da água limpa no canteiro de obra e também para drenar os locais escavados ou perfurados. 
  • Compressor de ar: os compressores são usados para calibração de pneus das máquinas, assim como para a preparação de superfícies antes da concretagem. Também pode ser usada para limpeza de peças. Você encontra compressor de 50, 100 e 200 litros.
  • Paracisco: são equipamentos específicos para segurar materiais em queda livre. A utilização em obras é obrigatória conforme a Nr18, pois aumenta a segurança ao redor da edificação e sua produtividade.
  • Esmerilhadeiras: servem para vários fins, alguns deles são lixar, cortar rebarbas, fazer acabamentos e claro, esmerilhar. Esse é um equipamento que agiliza os processos das obras, evitando trabalho manual.
  • Furadeiras: tem vários tipos de tamanhos, modelos e marcas diferentes. Além da realização de furos, ela pode ser usada para outras operações, tais como alargamento e rebaixamento.
  • Lixadeiras: são usadas para lixar e dar acabamento em superfícies como madeira, massa corrida e concreto. Existem vários tipos delas como lixadeira vertical, de cinta, politriz e roto-orbital. 
  • Martelo e martelete: nas lojas de aluguel você encontra martelo rompedor de vários tipos e martelo rotativo e demolidor. São modelos elétricos que facilitam o trabalho, dando mais agilidade. Também é possível encontrar o martelete perfurador e rotativo. 
  • Monovia: estrutura instalada na parte superior da obra, servindo de suporte para os andaimes suspensos. Permite que os andaimes suspensos se movimentem lateralmente por meio dos troles na extensão da obra. Esse sistema oferece mais velocidade de execução do serviço externo, comparado com a fixação comum de andaimes suspensos.

Todos esses equipamentos precisam ser usados conforme indica o fabricante para que acidentes de trabalho não aconteçam. Se você precisa de alguns deles para sua obra, visite nosso site e alugue já seus equipamentos, clicando aqui. Contamos com atendimento virtual personalizado! Conheça também nossas redes sociais!

 

Back to list

Related Posts