Ferramentas

Serra Elétrica: principais tipos e aplicações

Escolhendo a Serra Elétrica adequada

Antes de começar o processo de cortar materiais, é muito importante escolher a serra elétrica mais adequada. Para garantir a qualidade do corte, é necessário levar em conta diversos aspectos que influenciam na escolha do equipamento. O tipo de lâmina, forma dos dentes e para quais materiais e cortes eles são indicados são alguns desses fatores. 

Por isso, para te ajudar nessa empreitada de escolher a melhor serra para a sua tarefa, nós preparamos esse guia para você. Nele, vamos te apresentar os principais tipos, suas aplicações e quais cuidados são necessários. 

Serra Elétrica Circular

Utilizadas para realizar cortes grandes e profundos, a serra circular possui alta potência, empunhadura emborrachada e é equipada com base de alumínio. São mais robustas que as demais e recomendadas para corte de madeira, metais, chapas de aço, pisos, alumínios, placas de fibra dura, entre outros. 

A serra circular pode ser manual ou de bancada. A manual é menor e proporciona mais liberdade no manuseio, por conta disso, você consegue fazer cortes mais livres. 

Entre os principais benefícios da serra circular, podemos citar sua escala de profundidade de corte de fácil leitura e o fato de seu ar expulsado limpar a linha de corte. Também possui profundidade máxima de corte de 63,5 mm e proporciona cortes em ângulo de até 56 graus. 

Além disso, as serras elétricas circulares podem ter ou não dentes. Por isso, o segredo é avaliar sua atividade. Caso a finalidade seja uma tarefa mais detalhada, opte por  uma lâmina com grande quantidade de dentes (acima de 48). Porém, se não é necessária previsão no corte, um modelo com poucos dentes já é suficiente.

Serra Mármore

Empregada principalmente em obras onde são necessários cortes precisos em concretos, telhas, pisos, azulejos e granitos, a serra mármore tem design compacto e baixo peso. Assim, essa ferramenta elétrica é apta para realizar trabalhos retos e em ângulos de até 45°, dependendo do modelo que você utilizar.

A serra mármore possui ótima durabilidade e algumas versões contam com uma trava de gatilho, o que permite o uso contínuo do equipamento. Além disso, possui reguladores que calculam a profundidade do corte e a maioria dos seus aparelhos tem cabo emborrachado, que proporciona maior conforto ao usuário. 

A serra mármore possui discos de corte característicos para os cortes de diversos materiais e finalidades variadas. O disco diamantado, por exemplo, serve para realizar cortes mais precisos. Já o disco côncavo é responsável por realizar trabalhos curvos. 

Outro fator importante dessa ferramenta é a potência. Dessa forma, quanto mais potente o equipamento, maior também sua capacidade de corte. Assim, se a potência for alta, o aparelho será mais ágil, o que resultará em menor esforço físico.

Motosserra Elétrica

Diferente das serras elétricas citadas acima, a motosserra elétrica é utilizada para podar galhos, cortar membros de árvores e derrubar pequenas árvores. É uma ferramenta leve e econômica, e possui cabo ergonômico e punho emborrachado.

É indicada para serviços mais leves, como problemas de jardinagem. Serve especialmente para corte de lenha, jardinagem, carpintaria e poda de árvore. 

 Dicas de segurança ao utilizar uma serra elétrica

Sabemos que as serras elétricas, por possuírem maior poder de corte, podem causar graves acidentes. Por conta disso, é necessário maior cuidado ao fazer uso delas. 

Use sempre os itens de proteção individual recomendados, como óculos de proteção, máscara, protetores auditivos, botas com biqueira e luva. Mas, além disso, não se esqueça de realizar manutenção periódica nos seus equipamentos e mantenha as lâminas e o local limpos. 

Importante também sempre guardar as serra em um lugar próprio, longe de onde as pessoas circulam e com boa ventilação. 

Não se esqueça também de conferir a potência e voltagem do produto antes de comprar ou alugar. Se essas ferramentas forem utilizadas em ligações elétricas incompatíveis, pode acarretar em danos ao equipamento e à rede elétrica, podendo causar até mesmo incêndios. 

Gostou do nosso artigo? Acesse também nosso blog e veja mais conteúdo como esse! 

Visite nosso site e alugue já sua serra elétrica, clique aqui. Contamos com atendimento virtual personalizado! Conheça também nossas redes sociais 🙂 

 

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *